São José de Calasanz

Capítulo Vice-Provincial Brasil-Bolívia 2015

Capítulo Vice-Provincial Brasil-Bolívia 2015

Foi realizado de 07 a 10 de Janeiro, em Belo Horizonte, o Capítulo da Vice-Província Brasil-Bolívia. Um total de 28 capitulares e o Padre Provincial Mariano Grassa, se reuniram no Colégio São José – Casa das Irmãs Escolápias. O Capítulo foi iniciado com a celebração da Eucaristia presidida pelo padre Vice-Provincial Juan María.  

 

Para a escolha dos secretários do Capítulo foram feitas votações onde, o Pe. Arilson de Oliveira foi eleito secretário e o Pe. José Carlos Fernández eleito o secretário adjunto. Em outra votação, exclusiva para os religiosos com votos solenes, foram eleitos o Pe. Carlos Curiel, como vocal do Capítulo Geral e os Padres Enivaldo João e Carlos Curiel como os vocais para o Capítulo Provincial. Destaca-se que, pela primeira vez no Brasil, os Leigos representantes do Conselho da Fraternidade participaram de um Capítulo Religioso.

 

O Capítulo foi dividido em várias sessões, com leitura de documentos, votações, plenários e trabalhos em grupos. Padre Mariano Grassa iniciou a sessão capitular com a exposição da situação da Província de Emaús, a qual pertence a nossa demarcação.  Ele destacou ainda os principais desafios da Província que são compartilhar o carisma com os Leigos, trabalhar a espiritualidade e ir ao encontro dos pobres.

 

As presenças escolápias do Brasil e da Bolívia apresentaram as suas realidades e discutiram os desafios e objetivos que deverão ser alcançados diante das 7 linhas de ações que irão orientar o trabalho para os próximos anos:

1.  Revitalizar a Pastoral Vocacional Escolápia, de maneira que para o final do quatriênio a entrada ao prenoviciado se estabilize num número suficiente que conduza no futuro ao crescimento real da Vice-Província.

2. Crescer em vida comunitária e na intensidade, fidelidade e consistência da nossa vocação como religiosos escolápios.

3. Estabelecer a Formação Inicial escolápia no eixo da vida e missão da Demarcação e, especialmente, das presenças que acolhem casas de formação.

4.  Impulsionar o crescimento da Fraternidade do Brasil e da Bolívia em número e vocação dos seus membros, e a sua corresponsabilidade no núcleo da Vice-Província e de cada presença local.

5. Gerar identidade escolápia em todas as nossas obras, no sujeito de cada uma e nos destinatários da sua missão.

6. Desenvolver o Movimento Calasanz em todas as nossas presenças de modo coordenado em nível de Demarcação.

7. Elaborar um roteiro claro e participativo que nos guie a uma nova fundação em outro Estado do Brasil e em outro Departamento da Bolívia ao longo do próximo quatriênio.

 

O Pe. Mariano Grassa finalizou o Capítulo destacando que Deus com sua mão carinhosa vai escrevendo a história da demarcação, é um momento oportuno para dar passos largos, ser melhores discípulos, seguir crescendo em um horizonte que dará muitos frutos.

 

Foram dias de trabalho, reflexão, oração e partilha de vida entre os religiosos e leigos do Brasil e da Bolívia. Um agradecimento especial às Irmãs Escolápias pela generosa acolhida.

 

A cada 4 anos acontecem os Capítulos Demarcacionais (Provincial ou Vice-Provincial) e o Capítulo Geral da Ordem é realizado a cada 6 anos.  O processo capitular tem o objetivo de rever o planejamento do último capítulo, revitalizar e planejar os novos rumos para a demarcação.

 

É Calasanz inspirando o coração escolápio a viver intensamente o dom carismático recebido.

 

Jesus navega conosco!

Calasanz nos une. Vem e verás!